terça-feira, 29 de março de 2016

5 comédias românticas que todo mundo deveria assistir!


Eu acho que já falei que sou a doida das séries por aqui, mais que também sou a doida dos filmes, vocês só descobriram agora. Tem um ritual que eu sempre gostei muito de fazer nas poucas locadoras de filmes que sobrou em Curitiba. Passar fileira por fileira e dizer, esse eu ja vi, esse também e por aí vai. Isso costuma acontecer principalmente quando vou na parte de comédia romântica, são filas e filas, e eu sempre fico falando: Já vi todos. Mas, Dani, porque você esta contando isso mesmo? Porque o tema desse TOP 5, são comédias românticas que todo mundo deveria assistir. 

Então vem comigo nessa, que você não vai se arrepender. 

5 - Begin Again/Mesmo se nada der certo. 


Você já ouviu aquele famoso termo chamado sonho americano? Pois é, nesse ponto que a história desse filme começa, mais traz um novo contexto pro termo, porque conta num estilo, de um artista em busca de reconhecimento. Dave Kohl (Adam Levine) é um cantor/compositor, que chamou atenção de uma gravadora, e por isso ele e sua então namorada, Gretta (Keira Knightley), para viver o sonho dele se mudam para Nova York. Depois de algum tempo, Gretta descobre que Dave, esta tendo um caso com a produtora dele, e eles terminam, ela fica sem dinheiro nenhum, e sem nenhum lugar para morar. Ela esta disposta a ir embora, mais resolve esperar alguns dias, e fica na casa de seu amigo, Steve (James Corden), inclusive, tem uma cena maravilhosa de quando ela esta na casa dele, em que ela liga pro Dave, bêbada, e começa a cantar uma musica dela para ele, e a música é maravilhosa, e a cena é bem hilária. 

Do outro lado, esta Dan Mulligan (Mark Rufallo), separado da mulher Miriam, e com uma filha adolescente, interpretada pela Hailee Steinfield, principiante na guitarra. Ele é co-chefe de uma gravadora, mais acabou de ser demitido, porque tudo o que ele escuta não acha interessante para a gravadora, nenhum artista de sucesso apareceu, então, um dia ele vai beber em um bar de Nova York, o East Village, e graças ao Steve, Gretta esta cantando, Dan, logo percebe o talento de Gretta, e fala com ela que quer apostar na carreira dela, ela acha que é mentira, mais com o tempo acaba aceitando, só que quando o Dan vai falar com o socio dele da gravadora, Saul (Mos Def), ele não vê todo esse potencial em Gretta, mais dará atenção se eles fizerem uma demo, um cd não profissional. Bem, você já deve imaginar o perrengue né? O cara não tem estudio, não tem instrumentos e não tem músicos, então a ideia surge do nada, porque não gravar um CD a céu aberto, na rua mesmo? E é isso o que eles fazem, Gretta, Dan e Steve, junto com outros músicos não conhecidos começam a gravar músicas pelas ruas de Nova York, e a ideia é tão maravilhosa, que rende uma trilha sonora maravilhosa pro filme, que você não parar de assistir. 

No final, é claro que Dave quer voltar com ela, e ela fica confusa, o cara chega até a usar uma musica dela, e lançar a musica e fazer sucesso com a própria, e sim, eles conseguem terminar o demo, que fica incrível, e recebem a proposta de lançar o CD pela gravadora, Dan e Gretta, chegam até aceitar a proposta, isso depois de conseguirem tudo o que queriam, mais acabam não assinando contrato, e fazem algo que me deixou chocada, e me fez amar o filme, o que eles fazem? Isso aí eu não vou contar, vocês vão ter que ir ver o filme. 

4 - O Principe e Eu. 



Sim, é a famosa história da plebeia com o principe, mais calma, a historia não é assim só amor.

O filme conta a história da plebeia Jules (Katie McGrath), que é tia de Milo e Maddie, ele um adolescente, e ela uma menina delicada e muito arteira. Eles são orfãos, perderam os pais em um acidente, como se isso não bastasse, Jules acaba de ser demitida, a unica coisa que trás o sustento para os três. Incrivelmente o pai das crianças, era então principe de um país distante da onde moram, e foi rejeitado pelo pai, o rei, por ter se casado com uma plebeia, vocês entendem com isso que Jules odeia o Rei, e é justamente isso o que acontece. Mas para a surpresa de Jules, eles são convidados pelo rei, que esta doente, e velho, para passar uma temporada no castelo, e depois de tanta insistência, os três fazem a viagem. 

Ao chegar no castelo, o tio das crianças é muito ranzinza, tem uma namorada chata, e o rei não é nada amoroso para um avô, que é velho e doente, e a estadia tem tudo para ser um saco, mais com o tempo as crianças e Jules, acabam conquistando o Rei e o Principe, e tudo começa a ficar maravilhoso, inclusive cenas deles dançando, montando uma arvore de natal, e muitas coisas a mais acontecem.

Mais então Jules, acaba escutando uma conversa do Rei e do Principe, achando que não era para ela ser convidada para um baile de natal, achando isso, Jules decide ir embora, o que acontece depois disso? Bem, isso vocês só vão saber se verem o filme. 

3 - All She Wishes 


É um filme adolescente? É sim senhor. Tem magia? Tem sim senhor. É chato? É não senhor. 

No filme, nossa personagem principal, Sophie (Lexi Giovagnoli) não tem namorado antes do baile da escola, não tem dinheiro e trabalha que nem uma louca, sua mãe não é viva, e o seu pai se mata de trabalhar. É doida pelo seu melhor amigo, mais que incrivelmente fica com a sua inimiga, que era sua melhor amiga na infância.

No seu aniversário, ela ganha um carro da sua avó, um carro antigo lindo, ela tambem ganha, um quadro de fotos, com uma foto de um modelo, então com raiva, ela acaba falando dentro do carro, que queria alguém como o modelo para ir ao baile, só para esfregar na cara de todo mundo, magicamente alguns minutos depois, Drake (Calum Worty) aparece no porta malas do carro, gritando, achando aquilo uma mentira - quem não acharia? - ela tenta fingir que não esta acontecendo, mais Drake continua falando, então ela tira ele dali, pergunta como aquilo aconteceu,  e ele explica que estava gravando um filme e do nada veio parar ali, ela tenta levar ele embora, mais ele sempre volta pro porta malas, então eles vão falar com a avó de Sophie, que confirma que o carro é magico, e então decidem que Drake tem que ficar ali até ela ir para o baile. 

Ao longo do filme, muitas cenas legais acontecem, a Sophie é uma incrivel fotografa, e apesar de ser uma garota muito legal, é bem fechada, muito fechada para relacionamentos, e Drake muda tudo isso nela. 

No final, depois do baile, ela beija o Drake, eles estão apaixonados, mais ele acaba indo embora porque ela não sabe falar que realmente gosta dele, mais você acha que acaba por aí? Não, o filme tem um final muito fofo, então, já sabem, corre pra ver. 

2 - Stuck in Love - Ligados pelo amor 


Sabe aqueles filmes que você não dá nada? Pois bem, esse é um deles. Queria assistir um filme, mais não estava achando nenhum que chamasse a minha atenção, então vi Lily Collins na capa, uma atriz, que desde Instrumentos Mortais, chama a minha atenção, apertei para ver o filme, e BOOM, virou um dos melhores filmes que eu já vi.

Começa primeiramente do fato que conta a história de um escritor conhecido Bill Borgens (Greg Kinear), separado de sua mulher Erica (Jennifer Connelly), e é doido para voltar com ela. E claro, pai da Samantha (Lily Collins) e de Rusty (Nat Wolff). 

Sam é uma menina que vive saindo com caras superficiais e burros. Ela é escritora, e esta prestes a lançar seu primeiro livro. (Já imaginaram o que isso fez comigo né? Lily Collins interpretando uma escritora, adolescente, foi motivo de fazer com que eu surte, mais voltemos ao filme.) Um dia ela vai em um bar, e acaba conversando sem querer com Louis (Logan Lerman, um dos melhores atores para mim, desde Percy Jackson) e o menino joga a real para ela, diz que ela tem medo do amor, e por isso só fica com caras com o QI inferior ao dela, ela fica irritada com isso, mais depois de uns dias acaba virando uma Stalker do menino, e aí já sabem, ela se apaixona por ele, e é realmente de vomitar arco iris. Mais a vida dos dois não vai ser tão facil assim, porque a mãe de Louis esta em fase terminal. 

Rusty, é um menino bem inteligente, mais nunca conseguiu escrever nada, mesmo com o incentivo do pai, que paga por cada coisa que ele escreve (sonho). Rusty é doido pela  Kate (Liana Liberato), namorada do valentão da escola, Glen (Patrick Schwarzenegger). Numa conversa com o pai, Bill diz que ele tem que viver a vida dele, fazer coisas de adolescentes como ir em festas, e aí motivado ele vai a uma festa da escola, e consegue entrar na festa porque levou maconha (pesado part 1). Lá a Kate já esta cheirando cocaina (pesado part 2), e então em determinado tempo da festa, Glen acaba maltratando a menina, e aí Rusty, bem irritado dá um soco em Glen, e foge da festa com Kate, daí para frente, vocês já sabem né, ela vira o heroi dela, e eles acabam ficando. 

Bill, é louco pela ex, e devido a uma promessa do passado, não tenta encontrar nenhuma mulher, apesar de ficar com a vizinha que é casada, Tricia (Kristen Bell), mais claro que devido a essa loucura de Bill pela ex mulher, ele não consegue viver, e nem terminar de escrever o livro que todo mundo quer ler e que a editora dele já esta cobrando. (poxa amigo, como assim? Deixar leitor esperando é muito ruim, nada que eu já não esteja fazendo com que já leu o meu livro, um mero acaso.) 

Tudo esta indo muito bem até a mãe do Louis morrer, e a Kate ter crise de abstinência no lançamento do livro da Sam, e claro, o fato de Bill convidar a ex, já que Sam não fala com ela a tempos, o que deixa Sam irritada. O que acontece depois de todos esses acontecimentos? Preciso mesmo falar? Corre ver gente. 

1 - Simplesmente Acontece


Sim, você não entendeu errado, é mais um filme com a Lily Collins, essa atris realmente merece minha atenção.

Então vamos lá, imaginem, uma novela mexicana? Já imaginou? Pronto. Agora imaginem uma novela mexicana com Lily Collins e Sam Caflin na Inglaterra. Já imaginou? Pronto.

Essa história, tem tudo para ser tudo isso, mais bem, é muito mais. A Lily Collins interpreta Rosie, uma menina que sonha em ter seu próprio hotel - já amei a personagem, sonha alto - e é super divertida. Sam, interpreta Alex, um menino inteligente, que passou em Harvard para fazer medicina - como para mim, medicina é um bicho de sete cabeças, considero o personagem um gênio - os dois, são amigos desde pequenos, e tinha tudo para ser uma baita de uma amizade, se os dois não acabassem se apaixonando.

Mais a vida não é fácil, e a vida deles só não é pior porque não tem nenhuma doença ou morte trágica, porque se não, eu com certeza colocaria como pior vida de filme de todas. Logo de cara, Alex e Rosie estão para ir para Cambridge, Massachussets, quando Rosie descobre que está grávida de um bendito popular da escola, bonitão e sem miolos. E aí a Rosie acaba não indo com o Alex para Boston, onde ele iria estudar, e ela faria hotelaria, e viveriam felizes. Ela esconde que está grávida dele. Rosie dá à luz a uma menina, que era para até então ir para doação, mais ela simplesmente não consegue abrir mão da menina, e fica com ela, amor de mãe né? Rosie começa a trabalhar, se ferra pra cuidar da menina que é um bebê bem chato, chorona, ela conhece uma menina muito engraçada e tem tudo para elas não serem amigas, mais para a surpresa, elas se dão super bem.

São muitos os desencontros dos dois, é um vai e volta, quando ela está livre e desimpedida ele não está, ela se junta com o popular em determinada parte do filme, vão morar juntos, e aí ele está solteiro, então depois ele se casa com a popular do colégio também, que agora é modelo, e aí ela fica solteira, e lá pelas tantas eles ficam, e sim, ele está casado, e ela descobre que a mulher do Alex está grávida.

O final do filme é incrível, ela consegue o Hotel que ela tanto queria, mesmo depois de uma perda horrível, que foi que alimentou o sonho dela de ter um hotel desde sempre, e se ela fica com o Alex? Bem, isso vocês já devem ter entendido, que eu não vou contar né?

     ...

Em fim, gente espero que tenham gostado dessa mini resenha que eu fiz desses filmes, que eu amo de paixão, e me digam vocês, já viram esses filmes e se encantaram tanto quanto eu? Que outros filmes vocês indicam para mim? Coloquem nos comentários que eu vou amar interagir com vocês.

Beijos e abraços.


Daniella Rodrigues

sexta-feira, 25 de março de 2016

ZAYN Lança Clipe de BeFoUR - O Tiro da Manhã.

Pois é meu povo, vim aqui falar do clipe de PillowTalk e agora logo pela manhã essa bomba, do tamanho de um trem me acontece, era para ela ser só mais um garoto normal de 22 anos, ou melhor dizendo, um garoto normal de 23 anos agora, mais como podemos ver, Zayn, tem muitos planos, inclusive deixar todo mundo no chão com clipe novo, e aí ficou curioso para saber o que ele aprontou? Então vem comigo ver esse clipe, que está de tirar o ar. 


Bem gente espero que tenham gostado, e coloquem nos comentários a opinião de vocês, porque eu como já disse, estou sem ar, e no chão agora.

Beijos e Abraços.

Daniella Rodrigues.

quarta-feira, 2 de março de 2016

#DDLDD (Dica de Livro do Dia) | Retrospectiva de Março - 2016


Olha eu aqui de novo, para vocês não sentirem falta estou com mais uma retrospectiva DDLDD, quem me acompanha no meu instagram @dannyro17, já viu essas resenhas por lá, em primeira mão, então não percam essa, e corre pra lá, pra ver antes lá, do que por aqui no blog.

Explicação: O ultimo livro da retrospectiva, foi postado no dia primeiro de Abril, porque eu esqueci de postar, então desculpa gente, mais como estou seguindo um padrão de postar de dar 4 dicas de livro por mês no minimo, esse tinha que entrar na retrospectiva do mês de Março. 



Estilhaça-me - Tahareh Mafi

Sobre o que é o livro: Mafi brinca com a ideia de super poderes, X-man, e outras coisas no livro, apesar de parecer mais do mesmo, não tome esse caminho, essa história não é nada de menininha.

Drama, romance e destruição é o que você pode encontrar nesta saga. Para todos os efeitos é sim mais uma distopia. E é nesse conflito todo de mundo sendo destruído, e sendo tomado pelo Reestabelecimento, que em um passado distante prometeram ajudar a população, fazem justamente o contrário, eu sei, você já viu isso por aí não é? Na política do Brasil isso vem se repetindo, então não é algo assim tão inusitado para gente.

Mais a onde essa história começa? Bem, Juliette tem 17 anos, e não toca em ninguém ah exatos 264 dias, tudo isso porque o toque de Juliette é fatal, então em um dia, por acidente ela acaba encostando em uma criança que acaba morrendo, Juliette é presa, e depois de um tempo levada para um manicômio, de lá o governo a leva para uma cela, onde ela é tirada anos depois pelo Reestabelecimento. Depois de tantos anos sozinha, finalmente colocam uma pessoa em sua cela, Adam. 

Como Juliette reage com uma pessoa em sua cela depois de tanto tempo sem contato humano? Isso vocês só vão saber se lerem.

Minha opinião: Acredito que essa saga não tem o devido valor que merece, apesar de falar de assuntos que já vimos muito por aí, humanos com super-poderes por exemplo, a saga consegue ser surpreendente. A vida de Juliette é totalmente diferente das mocinhas que vemos por aí, Juliette nunca teve amor na vida, de ninguém, todas as pessoas do mundo dela, sempre tiveram nojo, ou melhor, medo, resumindo, ela nunca teve ninguém em quem se apoiar, e ainda assim, consegue amar com uma facilidade enorme, e mais do que isso, lutar por um mundo melhor. Por isso e por outros motivos que essa saga deveria ter mais reconhecimento do que já tem, espero que quando o filme sair, as coisas melhorem.

Onde Comprar: Clichê gente, Submarino, Saraiva e sebos.


Uma Longa Jornada - Nicholas

Sobre o que é o livro: Uma Longa Jornada conta a história de dois casais, Ira e Ruth, Sophia e Luke. A narração do livro é narrada por Nicholas Sparks, e conta a história do ponto de vista de Ira, Sophia e Luke, e aos poucos você entende o porque não tem o ponto de vista da Ruth, mulher de Ira. 

Ira é um homem que passou por poucas e boas na sua vida, mais que tem uma vida bem estável financeiramente, e então sofre um acidente de carro, e aquela história de que a sua vida passa pela sua mente quando estamos em uma situação de morte, é justamente o que acontece com Ira.

Sophia é estudante de arte, e é muito boa nisso, mais já faz um bom tempo que ela não sai da república onde mora por causa do ex dela, que a persegue em todo lugar.

Luke é cowboy de rodeio, além de ser muito trabalhador, e luta de todos os modos para salvar a fazenda de sua família.

Em um determinado dia, Sophia vai a um rodeio, onde conhece Luke e logo de cara já ficam encantados um pelo o outro. Tempos depois, quando a relação já começou a surgir, depois de um encontro os dois encontram Ira no acidente, e é aí que esse laço de amizade é amor se juntam, e da início a uma bela história.

Minha opinião: Já li muitos livros, e por ser escritora sempre presumo o final, resumindo, é muito difícil um livro me surpreender, poucos são os livros que conseguiram, um deles eu já falei por aqui, A Rainha Vermelha, que o final me deixou chocada, outro do Nicholas Sparks, que pretendo falar mais para frente, e esse livro, Uma Longa Jornada. Imaginei muitos finais para esse livro, mais todos passaram longe do que eu tinha pensado, então sem dúvida vale a pena ler.

Onde Comprar: Lojas Americanas está vendendo por 10,00 reais. E Saraiva.


Um Ano Inesquecível - Paula Pimenta, Thalita Rebouças, Babi Dewet e Bruna Vieira

Sobre o que é o livro: UAI não é apenas uma história, são 4 histórias diferentes, que não se cruzam em momento algum. O que essas quatro histórias tem em comum? Escritoras brasileiras, personagens principais femininas. Todas as personagens estão passando por um momento de decisão na vida. Duas em relação ao amor, e as outras duas, sobre ensino médio, vestibular e formatura. Cada história se passa em uma determinada época do ano, Inverno, Outono, Primavera e Verão. Eu poderia definir cada etapa, ou melhor, cada conto com algumas palavras.
Inverno - Paula Pimenta: Amor a distancia.
Outono - Babi Dewet: Música e Vestibular.
Primavera - Bruna Vieira: Superação, cabelo colorido e matemática.
Verão – Thalita Rebouças: Fama, Carnaval e Amor.

Minha opinião: Posso dizer que foi uma leitura bem leve, e bem menininha, mais não deixou de ser divertido. De todas a que eu mais me surpreendi foi a Thalita, que fez uma história encantadora, bonita, romântica e muito, mais muito hilária. Eu não preciso nem dizer que com certeza foi a minha preferida, apesar de a Primavera ser a minha época favorita do ano. Eu amo as histórias da Bruna Vieira, mais fiquei um pouco desapontada com essa, não que a história seja ruim, é bem bonita, mais eu esperava um algo a mais, que não aconteceu. Quanto às outras histórias, só posso dizer que fazem do livro, um livro maravilhoso.

Onde Comprar: Saraiva, Lojas Americanas, e até livrarias Cultura, estão com preço bom.




A Sereia - Kiera Cass  
Sobre o que é o livro: Ah 80 anos, Kahlen tinha uma vida respectivamente boa, era paparicada pelos pais por ser a única menina da família, família rica, mais não se sentia feliz com a vida que levava, o pai nunca deu carinho de verdade a ela, como se presentes comprassem isso, e a mãe sempre muita ligada à bons costumes e etiqueta, cobrou muito de Kahlen, para que fosse uma boa menina. Além de claro seus irmãos, que nunca foram bons, e tinham certos privilégios que Kahlen nunca teria na vida, já que ela estava sendo treinada para ser uma dona de casa e mãe.

Acontece um naufrágio em uma viagem da família, e Kahlen implora desesperadamente para viver, quando ela entra na água é arrastada, até estar diante de três meninas, muito bonitas, a qual fazem a proposta, junto com a Água, de que ela fique com elas, servindo a Água por 100 anos, e depois desses anos ela terá uma vida nova, sem lembrar de tudo o que aconteceu nos 100 anos, e caso ela não aceite, ela morre, claro que Kahlen aceita.

80 anos depois, a vida de Kahlen continua incompleta, ela servindo a Água - que é um ser, que fala com as sereias, age como se fosse uma mãe, mais é água, não é realmente uma pessoa ou um deus - sentindo se destruída depois de mais um naufrágio que ela teve que cantar para que pessoas entrassem na água, e a Água a matasse - a Água se alimenta de humanos - e fazendo algo que ela criou costume de fazer ao longo dos anos, investigar a vida das pessoas que morreram, ela vai até uma biblioteca na Flórida onde ela e as sereias, suas "irmãs" estão morando, e lá conhece Akinli, que apesar da dificuldade de Kahlen não poder falar - sua voz é fatal - continua insistindo na amizade, e é aí que a história realmente começa.

Minha opinião: Sou suspeita para falar da Kiera Cass, apesar dela não ser a minha escritora favorita, digo com alegria que as histórias dela me prendem muito, e posso dizer com toda certeza, que A Sereia, é mil vezes melhor que a A Seleção (minha opinião), então com certeza vale a pena ler.


Onde Comprar: Saraiva, Lojas Americanas e Livrarias Curitiba.

                                                                            ...

Em fim gente, espero que tenham gostado dessas resenhas, e sim, mais uma retrospectiva chegou até o final, mais fiquem atentos, porque tem muito mais vindo pela frente. 

Beijos e abraços. 

Daniella Rodrigues

#DDLDD (Dica de Livro do Dia) | Retrospectiva de Fevereiro - 2016


Fala povo mio, tudo bem com vocês? Mais um mês desse ano já se foi, e aqui estou eu com a retrospectiva do DDLDD do mês. Para quem esta caindo de cabeça nesse post, e ainda não sabe o que é o DDLDD, é na verdade uma Hashtag que eu criei para o Instagram, que significa, Dica de Livro do Dia. Mais Dani onde eu posso encontrar o DDLDD? Vocês encontram o DDLDD e muito mais, no meu Instagram pessoal, @dannyro17.

Então sem mais delongas, vamos as dicas. 


Se Eu Ficar - Gayle Forman 

Sobre o que é o livro: Mia, toca violoncelo, e sua vida é divida entre decidir se fica no Estado de Oregon, com a sua família, os seus amigos e o seu namorado, Adam, ou ir para Juliard, que fica em New York, então em um fatídico dia, a vida de Mia vira de cabeça para baixo, e ela tem que decidir entre ficar e viver, ou ir embora, mais como fazer essa decisão, sabendo que dos dois lados da balança ah algo importante para Mia? "Às vezes você faz escolhas na vida e às vezes as escolhas fazem você. Isso faz sentido?"  

Minha opinião: Chorei do inicio ao fim, meus conceitos sobre o que é importante na vida me atingiram quando comecei a ler, meu coração foi posto à prova com Se Eu Ficar, é um belo de um livro e indico para todo mundo.


Onde Comprar: Na Saraiva Online está por 20,90, e em outras livrarias o preço também não passa muito disso não, sebos também são uma boa escolha.



O Teorema Katherine - John Green

Sobre o que é o livro: John Green é mestre, quando se trata de livros sobre amigos diferentes, que se juntam e viram super amigos, e nessa história não poderia ser diferente. Todo mundo já se apaixonou na vida, e quando esse acontecimento específico aconteceu de ter o mesmo nome de uma pessoa que você já gostou, você com certeza deve ter achado estranho, o Colin, o personagem principal não acha nada disso estranho, tanto é que se apaixonou 19 vezes, por meninas com o mesmo nome: Katherine. 
A vida do personagem é muito interessante já por esse motivo, mas como se não bastasse, Colin, é também um ex menino prodígio e um gênio da matemática, depois de levar o seu décimo nono chute naquele lugar, de uma Katherine, Colin decide fazer um teorema em que pode descobrir se um relacionamento amoroso pode dar certo ou não, e isso em um verão, com o seu amigo Hassan, que é muçulmano, e é aí que aventura do personagem começa. 



Minha opinião: Para mim o John Green esta entre os melhores escritores dessa geração, seus livros contém essa genialidade de mensagens poderosas com aventura, que dá todo o ar engraçado dos livros. O Teorema Katherine é sem dúvida o meu livro favorito depois de A Culpa é das Estrelas, melhor que Cidades de Papel, inclusive, não vejo a hora de sair o filme desse livro.


Onde Comprar: Saraiva, Submarino e Amazon estão com ótimos preços, apesar de ter comprado o meu nas Livrarias Curitiba por 22,90 na época, então se forem de Curitiba e Santa Catarina fiquem de olho porque os livros do John Green costumam ser baratos por lá.


O Diario de Anne Frank - Anne Frank

Sobre o que é o livro: Sim, é a história dela, depois que a segunda guerra começou e como foi a vida de escondida no anexo com a família dela, mais uma família e um "parente". Ao longo do diário, muitas coisas vão sendo acrescentadas. A relação da Anne com a mãe que é bem ruim, a relação da Anne com o Pai, que era só de amor, mais mesmo assim por causa de Peter, uma das pessoas estavam no anexo, ficou conturbada, a relação dela com a irmã, que é dia ruim, dia boa, e claro a relação dela com todo mundo que vivia no anexo, que era de brigas, risada, medo e tristeza. Mais a Anne conseguiu colocar muito mais do que isso no diário, ela fala sobre a guerra, a dificuldade de conservar comida, o medo de ataques, e as regras de como conviver na guerra, isso sem falar sobre as reflexões que ela coloca ao longo do diário. A vida da Anne foi tudo, triste, linda, emocionante, e conseguiu captar toda a essência da Anne e com certeza vale a pena ler.

Minha opinião: Foi um dos melhores livros que eu já li na minha vida, e vou lembrar sempre da história da Anne, a história dela deveria ao meu ver ser contada nas escolas com muito mais afinco do que sabemos, inclusive acredito que deveria ser leitura obrigatória, porque a Anne é uma menina que em sua vida incentivava a leitura, incentivava o estudo, mesmo estando escondida em um Anexo, ela estudava de tudo, e sabia falar 5 línguas, tudo isso por causa do estudo. Anne é a Malala do passado, e como a Malala provou ao mundo que o estudo é sim essencial na vida de uma pessoa, e descobrimos isso vendo a inteligência com a qual ela escreveu tudo isso com apenas 13 anos.

Onde Comprar: Saraiva e submarino sempre estão com desconto nessa edição do livro, mais tem outra edição, que em Sebo sai por menos 20,00.


Jogos Vorazes - Suzanne Collins

Sobre o que é o livro: Essa é uma das trilogias mais conhecidas do momento. 
Para início de conversa, Jogos Vorazes é uma distopia, a respeito da América do Norte que após guerras e desastres naturais, se reergueu e surgiu então Panem. A Capital, como é chamada, guerreou durante muito tempo com os outros distritos, até que venceu e para mostrar toda a sua soberania e dar uma lição, eles criaram então os Jogos Vorazes. Onde crianças ou adolescente de cada distrito - sendo 2 de cada um, uma menina e um menino - são enviados para uma arena para lutarem até a morte. Nenhum pouco doentio, imagina. 
A Capital claro é a mais rica, e também a mais organizada, mais a história começa mesmo com Katniss Everdeen, que é do Distrito 12, órfã de pai, que convive/sustenta sua mãe e sua irmã, por causa de sua habilidade com arco e flecha. Então sua irmã é selecionada para os Jogos Vorazes logo na primeira vez que ela entra pro sorteio - super sortuda - e Katniss apavorada, se voluntária em seu lugar, e é aí que os Jogos Vorazes começam. "Que a sorte esteja sempre a seu favor." Que no caso da trilogia é quase nunca. 



Minha opinião: Sou suspeita para falar, Jogos Vorazes foi a segunda saga da minha vida, e honestamente uma das melhores. Suzanne me deu inspiração para prosseguir escrevendo a minha própria saga, sempre quando não tinha mais forças ou ideias, basta eu ver Katniss na arena para mil ideias aparecerem na minha cabeça, então sim, eu indico com certeza a lerem. 



Onde Comprar: Todos os clichês da vida, Submarino, Saraiva, Amazon e claro, sebos, hoje em dia você consegue a trilogia por menos de 90,00 reais.

Esse mês como vocês perceberam tivemos só 4 dicas, sim, andei muito atarefada, com post pro blog, vídeos, cuidando do meu Instagram e do Blog, sorteio, - eu tive um pequeno problema com o site onde estava rolando o sorteio - e outras coisas, por isso não tive muito tempo de fazer o DDLDD, mais prometo que esse mês tem muito mais. 

Em fim, espero que vocês tenham gostado, e fiquem ligados aqui no blog, que tá vindo muito mais por aí. 

Beijos e Abraços. 

Daniella Rodrigues

Obs: A foto de capa foi eu que tirei, na Livraria Saraiva de Curitiba no Shopping Chrystal.