quarta-feira, 2 de março de 2016

#DDLDD (Dica de Livro do Dia) | Retrospectiva de Março - 2016


Olha eu aqui de novo, para vocês não sentirem falta estou com mais uma retrospectiva DDLDD, quem me acompanha no meu instagram @dannyro17, já viu essas resenhas por lá, em primeira mão, então não percam essa, e corre pra lá, pra ver antes lá, do que por aqui no blog.

Explicação: O ultimo livro da retrospectiva, foi postado no dia primeiro de Abril, porque eu esqueci de postar, então desculpa gente, mais como estou seguindo um padrão de postar de dar 4 dicas de livro por mês no minimo, esse tinha que entrar na retrospectiva do mês de Março. 



Estilhaça-me - Tahareh Mafi

Sobre o que é o livro: Mafi brinca com a ideia de super poderes, X-man, e outras coisas no livro, apesar de parecer mais do mesmo, não tome esse caminho, essa história não é nada de menininha.

Drama, romance e destruição é o que você pode encontrar nesta saga. Para todos os efeitos é sim mais uma distopia. E é nesse conflito todo de mundo sendo destruído, e sendo tomado pelo Reestabelecimento, que em um passado distante prometeram ajudar a população, fazem justamente o contrário, eu sei, você já viu isso por aí não é? Na política do Brasil isso vem se repetindo, então não é algo assim tão inusitado para gente.

Mais a onde essa história começa? Bem, Juliette tem 17 anos, e não toca em ninguém ah exatos 264 dias, tudo isso porque o toque de Juliette é fatal, então em um dia, por acidente ela acaba encostando em uma criança que acaba morrendo, Juliette é presa, e depois de um tempo levada para um manicômio, de lá o governo a leva para uma cela, onde ela é tirada anos depois pelo Reestabelecimento. Depois de tantos anos sozinha, finalmente colocam uma pessoa em sua cela, Adam. 

Como Juliette reage com uma pessoa em sua cela depois de tanto tempo sem contato humano? Isso vocês só vão saber se lerem.

Minha opinião: Acredito que essa saga não tem o devido valor que merece, apesar de falar de assuntos que já vimos muito por aí, humanos com super-poderes por exemplo, a saga consegue ser surpreendente. A vida de Juliette é totalmente diferente das mocinhas que vemos por aí, Juliette nunca teve amor na vida, de ninguém, todas as pessoas do mundo dela, sempre tiveram nojo, ou melhor, medo, resumindo, ela nunca teve ninguém em quem se apoiar, e ainda assim, consegue amar com uma facilidade enorme, e mais do que isso, lutar por um mundo melhor. Por isso e por outros motivos que essa saga deveria ter mais reconhecimento do que já tem, espero que quando o filme sair, as coisas melhorem.

Onde Comprar: Clichê gente, Submarino, Saraiva e sebos.


Uma Longa Jornada - Nicholas

Sobre o que é o livro: Uma Longa Jornada conta a história de dois casais, Ira e Ruth, Sophia e Luke. A narração do livro é narrada por Nicholas Sparks, e conta a história do ponto de vista de Ira, Sophia e Luke, e aos poucos você entende o porque não tem o ponto de vista da Ruth, mulher de Ira. 

Ira é um homem que passou por poucas e boas na sua vida, mais que tem uma vida bem estável financeiramente, e então sofre um acidente de carro, e aquela história de que a sua vida passa pela sua mente quando estamos em uma situação de morte, é justamente o que acontece com Ira.

Sophia é estudante de arte, e é muito boa nisso, mais já faz um bom tempo que ela não sai da república onde mora por causa do ex dela, que a persegue em todo lugar.

Luke é cowboy de rodeio, além de ser muito trabalhador, e luta de todos os modos para salvar a fazenda de sua família.

Em um determinado dia, Sophia vai a um rodeio, onde conhece Luke e logo de cara já ficam encantados um pelo o outro. Tempos depois, quando a relação já começou a surgir, depois de um encontro os dois encontram Ira no acidente, e é aí que esse laço de amizade é amor se juntam, e da início a uma bela história.

Minha opinião: Já li muitos livros, e por ser escritora sempre presumo o final, resumindo, é muito difícil um livro me surpreender, poucos são os livros que conseguiram, um deles eu já falei por aqui, A Rainha Vermelha, que o final me deixou chocada, outro do Nicholas Sparks, que pretendo falar mais para frente, e esse livro, Uma Longa Jornada. Imaginei muitos finais para esse livro, mais todos passaram longe do que eu tinha pensado, então sem dúvida vale a pena ler.

Onde Comprar: Lojas Americanas está vendendo por 10,00 reais. E Saraiva.


Um Ano Inesquecível - Paula Pimenta, Thalita Rebouças, Babi Dewet e Bruna Vieira

Sobre o que é o livro: UAI não é apenas uma história, são 4 histórias diferentes, que não se cruzam em momento algum. O que essas quatro histórias tem em comum? Escritoras brasileiras, personagens principais femininas. Todas as personagens estão passando por um momento de decisão na vida. Duas em relação ao amor, e as outras duas, sobre ensino médio, vestibular e formatura. Cada história se passa em uma determinada época do ano, Inverno, Outono, Primavera e Verão. Eu poderia definir cada etapa, ou melhor, cada conto com algumas palavras.
Inverno - Paula Pimenta: Amor a distancia.
Outono - Babi Dewet: Música e Vestibular.
Primavera - Bruna Vieira: Superação, cabelo colorido e matemática.
Verão – Thalita Rebouças: Fama, Carnaval e Amor.

Minha opinião: Posso dizer que foi uma leitura bem leve, e bem menininha, mais não deixou de ser divertido. De todas a que eu mais me surpreendi foi a Thalita, que fez uma história encantadora, bonita, romântica e muito, mais muito hilária. Eu não preciso nem dizer que com certeza foi a minha preferida, apesar de a Primavera ser a minha época favorita do ano. Eu amo as histórias da Bruna Vieira, mais fiquei um pouco desapontada com essa, não que a história seja ruim, é bem bonita, mais eu esperava um algo a mais, que não aconteceu. Quanto às outras histórias, só posso dizer que fazem do livro, um livro maravilhoso.

Onde Comprar: Saraiva, Lojas Americanas, e até livrarias Cultura, estão com preço bom.




A Sereia - Kiera Cass  
Sobre o que é o livro: Ah 80 anos, Kahlen tinha uma vida respectivamente boa, era paparicada pelos pais por ser a única menina da família, família rica, mais não se sentia feliz com a vida que levava, o pai nunca deu carinho de verdade a ela, como se presentes comprassem isso, e a mãe sempre muita ligada à bons costumes e etiqueta, cobrou muito de Kahlen, para que fosse uma boa menina. Além de claro seus irmãos, que nunca foram bons, e tinham certos privilégios que Kahlen nunca teria na vida, já que ela estava sendo treinada para ser uma dona de casa e mãe.

Acontece um naufrágio em uma viagem da família, e Kahlen implora desesperadamente para viver, quando ela entra na água é arrastada, até estar diante de três meninas, muito bonitas, a qual fazem a proposta, junto com a Água, de que ela fique com elas, servindo a Água por 100 anos, e depois desses anos ela terá uma vida nova, sem lembrar de tudo o que aconteceu nos 100 anos, e caso ela não aceite, ela morre, claro que Kahlen aceita.

80 anos depois, a vida de Kahlen continua incompleta, ela servindo a Água - que é um ser, que fala com as sereias, age como se fosse uma mãe, mais é água, não é realmente uma pessoa ou um deus - sentindo se destruída depois de mais um naufrágio que ela teve que cantar para que pessoas entrassem na água, e a Água a matasse - a Água se alimenta de humanos - e fazendo algo que ela criou costume de fazer ao longo dos anos, investigar a vida das pessoas que morreram, ela vai até uma biblioteca na Flórida onde ela e as sereias, suas "irmãs" estão morando, e lá conhece Akinli, que apesar da dificuldade de Kahlen não poder falar - sua voz é fatal - continua insistindo na amizade, e é aí que a história realmente começa.

Minha opinião: Sou suspeita para falar da Kiera Cass, apesar dela não ser a minha escritora favorita, digo com alegria que as histórias dela me prendem muito, e posso dizer com toda certeza, que A Sereia, é mil vezes melhor que a A Seleção (minha opinião), então com certeza vale a pena ler.


Onde Comprar: Saraiva, Lojas Americanas e Livrarias Curitiba.

                                                                            ...

Em fim gente, espero que tenham gostado dessas resenhas, e sim, mais uma retrospectiva chegou até o final, mais fiquem atentos, porque tem muito mais vindo pela frente. 

Beijos e abraços. 

Daniella Rodrigues

Nenhum comentário:

Postar um comentário